Ocorreu um erro neste gadget

Ola´! Que bom que passou por aqui, seja bem vindo! ! Espero que goste e volte sempre!!!!

"O Segredo da vitória, em todos os setores da vida, permanece na arte de aprender,imaginar,esperar e fazer mais um pouco."
( Chico Xavier - ditado por André Luiz )

terça-feira, 3 de maio de 2011

DIA DO SOL


3 de Maio

Sol, a estrela que, por efeito gravitacional de sua massa, domina o sistema planetário que inclui a Terra.

Mediante a radiação de sua energia eletromagnética, comporta toda a energia que mantém a vida na Terra, porque todo o alimento e combustível procede em última instância das plantas que utilizam a energia da luz do Sol.

Por causa de sua proximidade com nosso planeta, e por ser uma estrela típica, o astro-rei é um recurso extraordinário para o estudo dos fenômenos estelares.

O Sol constitui-se praticamente a única fonte de energia para a Terra.

É fácil imaginar o que aconteceria ao nosso planeta se esta energia viesse a faltar.

Não vivemos no receio de que isso aconteça, pois parece certo que o Sol não é agora diferente daquilo que era no passado, e nem será durante os próximos milhões de anos.Todavia, os antigos demoraram muito tempo a convencer-se de que podiam confiar no Sol, talvez devido à recordação das suas temporárias desaparições (eclipses) ou de longos períodos de atenuação da sua radiação (cinzas vulcânicas ou longos períodos de mau tempo).

Os povos anglo-saxônicos ainda hoje lhe dedicam o dia mais belo da semana, aquele que nas línguas neolatinas é dedicado ao Senhor, isto é, o domingo.

As primeiras mitologias solares, divididas entre a admirada grandeza e potência do Sol e o seu obdiente caminho no céu, falam de um gigante de algum modo condenado a transportar a grande bola de fogo em torno do céu, em condições de total servidão após o período em que o astro se tinha desviado no seu movimento.

Estas lendas também poderiam encerrar algumas reminescências históricas.

A verdade é que a adoração do Sol sempre esteve presente nas primeiras civilizações, a par com a do fogo.

O Sol era considerado, por muitas culturas, uma divindade.

Na Índia, Babilônia, antiga Pérsia, Egito e antiga Grécia, o ritual de adoração do Sol era comum.

O Sol possuía uma bonita interpretação, visto como um símbolo de vida e seu ciclo diário, o resumo da existência humana: jovem pela manhã, madura ao meio-dia, velha ao entardecer.

Acredita-se que o jogo de bola simbolizasse o combate entre as forças antagônicas do cosmos: o bem contra o mal, o Sol contra a Lua, o Céu contra a Terra.

Segundo os astecas, o papel do ser humano era defender o Sol para que este continuasse oferecendo a luz, o que exigia sacrifícios humanos

Fonte: Encarta

Nenhum comentário:

Postar um comentário